Make your own free website on Tripod.com
Principal
História
Definições
Formigas
Baratas
Cupíns
Contato


Um pouco sobre a Formiga
Introdução
Importância
Predadores
Definição
Como as Formigas Vivem ?
O Nascimento de uma Colônia
Predadores Camuflados
As espécies de formiga
Os parentes da formiga
Danos Causados ao Homem
Prevenção
Ciclo de Vida
Alimentação
Formiga

Introdução

As formigas vivem em todos os cantos, ela ajuda a equilibrar o meio ambiente.

As formigas existem desde o tempo dos Dinossauros. Sabemos disso porque, até hoje, fosseís de formigas são encontrados na resina endurecida de pinheiro daquela época.
Dentre os animais terrestres, as formigas são os mais numerosos e ocupam quase todos os ambientes. Isso só se tornou possível poque elas vivem em sociedade.

Cada agrupamento de formigas é uma colônia, formada pela mãe e suas filhas. A mãe só bota ovos, enquanto as filhas ampliam e limpam o formigueiro, defendem a colônia de invasores, coletam alimento, limpam e alimentam a mãe e as larvas. As filhas são operárias e a mãe é a rainha. Os machos só nascem na época da reprodução e logo morrem. Portanto, a sociedade das formigas é feminina.

Na colônia de formigas, cada operária trabalha para o bem de todas as irmãs e juntas trabalham para a sobrevivência da rainha e das larvas. Mesmo com a morte de muitas operárias, a colônia continuará viva se restarem apenas a rainha e umas poucas operárias.

As formigas operárias não desenvolvem asas, pois estão sempre muito ocupadas trabalhando. Nas formigas a asa serve para a época de acasalamento, passado isso elas caem, ou seja, são asas temporárias.

As formigas operárias vivem até 7 anos. As rainhas 14. Elas ouvem atrás das pernas.
Índice


Sua importância
Aquelas que vivem na terra cavam túneis e trazem terra do fundo para a superfície. Ajudam na reciclagem natural do solo, assim como as minhocas; as formigas carnívoras comem aranhas, grilos, lagartas e outros animaizinhos que aumentariam sua população se não houvesse predador.

Algumas formigas protegem as plantas do ataque de outros animais e ajudam a polinizar as flores. Muitas dessas ajudam a germinar as sementes e acabam contribuindo para o surgimento de novas plantas.

São poucas as espécies de formigas que cortam folhas, brotos, flores e carregam para o formigueiro. Elas também adubam o solo, mas como prejudicam as plantações são perseguidas pelos agricultores. No Brasil a mais prejudicial é a SAÚVA.
Índice
Ataque de Formigas


Seus predadores

As formigas são alimento para lagarto, aranhas, besouros e outros animais, incluindo nós.
Índice

Como é a formiga ?

A formiga não tem ossos mas seu corpo é firme porque a última camada da pele é dura e forma uma carapaça. Com as antenas ela percebe ao redor como mudanças de temperatura, os sabores e osa cheiros. Os olhos captam a luz.
Os pêlos captam as vibrações do ar.
A formiga tem seis pernas, tres de cada lado do tronco, como todos os insetos.
Somente as rainhas e os machos tem quatro asas no tronco e ambos voam na época da reprodução.
Índice

Como ela vive ?

Cada formiga desempenha um papel como a rainha que dá continuidade a espécie, a função das operárias caçadoras ou coletoras é a de buscar alimentos líquidos, como néctar das flores e as fezes dos pássaros, são sugados no próprio local em que sào encontrados.
Os alimentos sólidos, como insetos, sementes, folhas e flores, são carregados para o formigueiro e lá são triturados pelas coletoras até se tornarem líquidos.

A digestão começa na boca passa para o papo, do papo um pouco do alimento segue para o intestino, onde a digestão continua. Partículas digeridas atravessam a parede do intestino, entram no sangue e chegam a todas as células do corpo da formiga. O que não é digerido sai pelo ânus.

O ar entra por orifícios da carapaça e segue por tubos muito finos. Deles, passa para as células onde é usado na respiração, produzindo a energia de que o inseto precisa para viver.

Além de aparelhos digestivos e respiratórios, a formiga tem cérebro e nervos, rim e a glândula de veneno localizada no fim do abdome para sua defesa. Em algumas espécies o veneno sai pelo ferrão; em outras, ele é esguichado.

As formigas também dividem o alimento e são muito limpas.
Em formigueiros de certas espécies vivem apenas algumas formigas. Em outras espécies há milhões delas.

As formigas se comunicam através de cheiros e este cheiro com todas juntamente caracteriza a colônia. Caso houver um intruso, mesmo que a colônia seja gigantesca, as formigas percebem e ficam alertas, pois elas o identifica porque seu cheiro é diferente.
Índice

O Nascimento de uma Colônia

Na época da reprodução nascem os macho e fêmeas reprodutoras. Os machos de uma colônia se acasalam com as fêmeas de outra colônia e não com as próprias irmãs. Após o acasalamento, o macho morre, mas seus espermatozóides continuarão vivos dentro da fêmea por muitos anos e fecundarão muitos óvulos.

A fêmea prepara o ninho para seus filhotes, bota os primeiros ovos. Passado algum tempo, os ovos formam larvas brancas sem pernas. Essas primeiras larvas do formigueiro são alimentadas pela rainha. As larvas comem e crescem, passam para o estágio conheciod como pupa depois vira operária ou um macho.

A mãe dessas formigas não faz mais nada além de botar ovos e pedir comida. Tona-se assim a rainha da colônia que está nascendo.
A rainha nunca sai do formigueiro, e é protegida pelas filhas. Por isso, vive entre cinco e dez anos. A rainha da saúva chega a viver 30 anos. Durante esse tempo, bota cerca de 150 milhões de ovos. As operárias vivem bem menos.
Índice

Predadores e Convidados
As formigas são alimentos para aves, lagartos, rãs, sapos, besouros, aranhas, tamanduás e até para plantas carnívoras.
A formiga se defende de três modos: através de mordidas, ferrão com veneno, e as que não possuem ferrão esguichão veneno.
As formigas não aceitam estranhos no formigueiro e quem não têm o cheiro da colônia é atacado. Mas exitem besouros que ficam com o cheiro da colônia e são alimentados e limpos pelas formigas, do mesmo modo como elas alimentam e limpam suas irmãs.
Há predadores que são tão parecidos com as formigas que conseguem entrar facilmente no formigueiro.
Índice
Lutas entre formigas

As Espécies de Formiga

São conhecidas cerca de 10 mil espécies de formiga pelos cientistas. Mas devem existir muito mais em regiões pouco exploradas da Terra.
As formiga-cortadeira corta e transporta folhas, galhos flores para seu formigueiro. Os vegetais são picados e triturados até formarem uma pasta no chão do formigueiro. Sobre a pasta cresce uma espécie de fungo, que é alimento dessas formigas.

Já a formiga-colhedeira leva as sementes para o formigueiro, tira a casca e corta a ponta por onde nasceria a raiz. Desse modo, as sementes não germinam e podem ser guardadas (antes do inverno essa espécie de formiga estoca muito desse alimento). As cascas e as pontas são levadas para fora.
Formiga na folha

Na América do Sul e Central vive a formiga-caçadora. Também é chamado de correição, pois correm pelas matas carregando a rainha e as larvas. Ela não constrói formigueiro.
Outra espécie conhecida é a formiga-costureira. Ela é chamada assim por usar a larva de formiga para costurar folhas. Essa espécie vive na África e na Ásia.

Há também a espécie de formiga-garrafão que armazenam enormes quantidades de alimento no papo, localizado na trazeira. Vivem em desertos da América do Norte.
Índice

Os Parentes da Formiga

As formigas não tem coluna vertebral. Portanto, sào animais invertebrados.
No grupo dos insetos elas estão entre os himenópteros, palavra de origem grega que significa 'asa com membranas'.

(muitas pessoas acham que os cupins são parentes das formigas porque eles também vivem em sociedade, constroem ninhos no solo e saem em revoada na época da reproduçào. Mas eles pertencem a outro grupo de insetos.)
Índice

Danos Causados ao Homem

As formigas que ocorrem em residências usam geralmente em sua alimentação o alimento desperdiçado pelos seres humanos (açúcares, bolos, bolachas, cereais, frutas, etc), que caem no chão. Além disso, outros insetos, vivos ou mortos, podem complementar a dieta.

As formigas cortadeiras impõem sérios danos à agricultura, apresentando um controle difícil e oneroso. Elas se caracterizam por cortarem as plantas e transportarem os pedaços para o interior do ninho, onde serão utilizados como substrato para o cultivo do fungo, do qual todos os membros da colônia se alimentam.

As formigas urbanas ou andarilhas vivem em íntima associação com o ser humano. Estas causam sérios problemas em estabelecimentos comerciais e de pesquisa, residências, e principalmente em hospitais, onde funcionam como vetores mecânicos de microorganismos patogênicos.

Métodos de Prevenção

Os três fatores básicos que levam a qualquer praga urbana a invadir uma residência são: alimento, água e locais para construção de ninhos. Assim, a limpeza dos ambientes (por exemplo, restos de alimento derrubados no chão), e a remoção de entulhos deve ser feita de maneira constante. Além disso, a eliminação das cavidades, que poderiam servir como ninhos, e a sua correta vedação podem diminuir a quantidade de formigas.

Ciclo de Vida

São insetos holometábolos, ou seja, apresentam metamorfose completa (ovo, larva, pupa e adulto).
Índice

Alimentação

A dieta das formigas é bastante diversificada, abrangendo os onívoros (maioria), carnívoros (animais vivos ou mortos), secreções açucaradas de outros insetos (pulgões, cochonilhas e cigarrinhas), seiva e néctar de plantas, e fungos (formigas cortadeiras). O alimento é ingerido pelas operárias e armazenado no papo, distribuído para os demais membros da colônia, sendo este processo chamado de trofalaxia. Existem casos em que as larvas recebem o alimento na forma sólida e repassam para os demais integrantes do ninho na forma líquida, devido ao fato dos adultos não serem capazes de digerir o alimento sólido.
Índice



Topo
© 2005 - Insetomaniacs - Fabianoz Sites